Fotografo: Assessoria
...
Publicação

O Governo de Mato Grosso recebeu na manhã deste sábado (21.03) o primeiro carregamento com 15 mil litros de álcool 70% (álcool hospitalar), destinado para reforço à prevenção do contágio do novo coronavírus (Covid-19). A arrecadação foi coordenada pelo Sindicato das Indústrias Sucroalcooleiras (Sindalcool-MT) junto à empresas do setor.

No total, serão doados 200 mil litros do insumo ao Estado, que serão entregues na próxima semana. O governador Mauro Mendes conta que o álcool será utilizado nos hospitais, policlínicas, UPAs, nas unidades públicas da Polícia Militar, Bombeiros, e todas aquelas áreas que prestam serviços essenciais ao cidadão. A intenção é preservar os profissionais que estão enfrentando esse momento de combate à pandemia.

“Começamos hoje a distribuição desse material para as unidades de saúde, de segurança, também vamos dar apoio para as prefeituras, para que nós possamos garantir segurança dos profissionais, e que possamos dar continuidade nos serviços essenciais para a nossa população. Quero agradecer a todos os voluntários que estão ajudando nesse momento, que se Deus quiser, vamos superar”, explica o governador.

Conforme o governador, o produto para fazer o gel não está mais disponível no mercado brasileiro, mas o álcool 70% que será utilizado tem a mesma eficácia e pode salvar vidas. Ele agradeceu a todos do setor privado que estão se solidarizando com o momento, e colaborando com doações.

“Quero agradecer muito as usinas que produzem etanol aqui no estado, e a muitas outras empresas da Baixada Cuiabana, de Várzea Grande, do interior, que têm se apresentado para colaborar com o governo e com o povo de Mato Grosso nesse momento. Até o momento recebemos 200 mil litros de doação de álcool 70%”, afirma sobre a parceria com a inciativa privada.

“Pedimos para a população evitar o convívio social, ficar em casa, você que é jovem tome muito cuidado porque os seus pais, avós, tios, as pessoas mais idosas, são mais vulneráveis. Devemos tomar os cuidados necessários para que possamos evitar a disseminação do vírus Covid-19”, reafirma Mendes sobre precauções que todos devem tomar durante o surto da doença.

O insumo chegou em galões de 20 litros, e voluntários da Polícia Militar (PM) e do Corpo de Bombeiros Militar (CBM-MT), irão envasar o álcool 70% em embalagens menores, de 200 ml, 500 ml, e de 5 litros.

Jorge dos Santos, diretor do Sindicato das Indústrias Sucroalcooleiras de Mato Grosso (Sindalcool), conta que o sindicato, que congrega todas as indústrias produtoras de etanol atendeu imediatamente o pedido do governador para colaborar com o combate ao coronavírus no Estado.

“Os associados não mediram esforços, apesar de estarem na entressafra da cana, e conseguimos reunir os 200 mil litros. Este é o primeiro carregamento, mas já temos outro caminhão tanque carregando em Nova Olímpia mais 40 mil litros, até atingirmos ao longo da próxima semana.”

Conforme Secretario de Estado de Desenvolvimento Econômico (Sedec-MT), Cézar Miranda, essa primeira carga veio do Grupo Barralcool, que atua desde 1980 em Barra do Bugres. Foi montada uma operação para trazer o álcool em segurança até Cuiabá, com a colaboração de muitos setores.

“É gratificante a solidariedade, temos várias empresas do estado, não só aquelas que doaram, mas outras empresas que estão trabalhando e colocando equipamentos que estavam parados para manutenção, e depois, serão disponibilizados para envasar o álcool em garrafas de menor tamanho, para que a gente possa distribuir”, conta.

Impacto na Saúde

De imediato, as unidades de saúde que receberão o insumo são a Secretaria de Estado de Saúde (SES), o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), a Central de Regulação, o Laboratório Central (LACEN) e o Hospital Santa Casa.

O uso do álcool é imprescindível para esterilizar as mãos e as superfícies dentro das unidades hospitalares, conta o secretario de Estado de Saúde, Gilberto Figueiredo. “É de suma importância essa operação que está tirando a preocupação que tínhamos porque este item não está mais disponível no mercado. Estamos solucionando cada etapa, e vamos ter sucesso na contenção do avanço do coronavírus.”

O estoque regulador será concentrado no Corpo de Bombeiros, e de acordo com a necessidade das unidades, a Secretaria de Saúde fará a distribuição em todas as unidades de Estado.

Segurança pública

Unidades de Segurança do Estado receberão álcool para a segurança dos profissionais que atuam nos serviços essenciais em contato direto com a população.

“O álcool 70% é muito importante para a assepsia dos agentes que estarão na ponta atendendo todos os casos em Mato Grosso. O trabalho da Segurança começou escoltando a carga até Cuiabá e segue no envasamento e na distribuição. Vamos dar acesso ao Corpo de Bombeiros e à Polícia Militar, que são dois órgãos que estão trabalhando diretamente na rua, na prevenção e no controle do Covid-19”, aponta o Comandante-Geral do Corpo de Bombeiros, o Coronel BM Alessandro Borges Ferreira.