Portal fundado em 01 de fevereiro de 2014; Pelo jornalista Roberto Marques

Cidadão Repórter

65992519733
Várzea Grande(MT), Terça-Feira, 18 de Janeiro de 2022 - 19:30
13/01/2022 as 11:37 | Por Roberto Marques DRT 002660/MT |
Placas de ‘não jogue lixo’, não surtir efeito descarte irregular de lixo continuam em V G – MT
No bairro Hélio Ponce, nossa equipe observou uma grande quantidade de lixos no fundo do miniestádio
Fotografo: Roberto Marques
Bolsão de lixo

 

 

Nesta manhã de quinta-feira do dia 13/01/2022, nossa equipe flagrou a falta de consciência e respeito de algumas pessoas no município de Várzea Grande Mato Grosso, desta formar tornam o trabalho da equipe da Secretaria de Serviços Públicos e Mobilidade Urbana, que executa a limpeza desanimadora.

No Cristo Rei, onde vários pontos estão sendo usados como depósitos de lixos, comprometendo o aspecto do local, o meio ambiente e se tornando um problema de saúde pública, a equipe limpa a populaça no mesmo dia descarta lixo., fica a mesma coisa que enxugar gelo.

O mais agravante, em alguns locais a ação é realizada em áreas consideradas de preservação ambiental, aonde os crimes ambientais estão ocorrendo de forma mais acentuada, a inserção de placas de ‘não jogue lixo’, no local, não surtir efeito, daí se faz necessárias ações mais enérgicas.

No bairro Hélio Ponce, a equipe observou uma grande quantidade de lixos depositados em três pontos localizados no fundo do miniestádio. Além de restos de construções, foram constatados também entulhos e uma grande quantidade de lixos domésticos.

 

“É uma falta de respeito com os moradores daqui, pois somos nós que sofremos com o acúmulo de lixo e com as doenças provocadas pela fumaça na queima desses resíduos. Dessa forma, não tem como o poder público ser mais eficiente porque ele faz o serviço em uma semana e na outra o local já tem acúmulo de lixo”, lamentou a moradora.

Aluísio Fernandes reforça ainda que o poder público tem feito a sua parte na condução dos serviços, porém se não houver o comprometimento de todos, será quase impossível manter os bairros limpos e organizados. “Mapeamos as áreas onde esses descartes acontecem de forma recorrente, e onde estão sendo feitas as fiscalizações, seja por parte da equipe do Meio Ambiente, Código de Postura, ou até mesmo da população que deve ser a nossa parceira nessa ação”, completou.

Para a denúncia de descarte irregular de lixo, qualquer cidadão pode entrar em contato com a Guarda Municipal pelo número 153, ou na secretaria de Meio Ambiente de Várzea Grande pelo telefone (065) 3692-6828.




Notícias Relacionadas





Entrar na Rede SBC Brasil