Portal fundado em 01 de fevereiro de 2014; Pelo jornalista Roberto Marques

Cidadão Repórter

65992519733
Várzea Grande(MT), Terça-Feira, 18 de Janeiro de 2022 - 18:42
04/01/2022 as 05:12 | Por Assessoria |
Várzea Grande atende quase 27 mil pessoas com sintomas de Síndrome Gripal em 14 dias
Gonçalo Barros reafirma a necessidade de manter as medidas de biossegurança como uso de máscara
Fotografo: Divulgação
Publicação

 

Várzea Grande atendeu 26.657 pessoas em 14 dias, entre 20 de dezembro de 2021 até 02 de janeiro de 2022 com sintomas de SRAG – Síndrome Respiratória Aguda Grave, decorrentes principalmente da Gripe Influenza H3N2 nas UPAs IPASE e Cristo Rei.

Estes números demonstram um considerável aumento nos casos e como Várzea Grande atende pelo Sistema Único de Saúde – SUS, sem custos e porta aberta, ou seja, quem procura as unidades recebe atendimento, exames e medicamentos, entre 52% até 59% dos atendimentos realizados, dependendo do dia da semana, são de pacientes de outras cidades, outros Estados e até mesmo de países vizinhos com quem o Brasil faz fronteira.

Desde que houve um crescimento no número de casos, o prefeito Kalil Baracat, determinou o reforço nas equipes médicas, de enfermeiros e técnicos e destinou quatro unidades para atendimento destes casos, as UPAs IPASE e Cristo Rei, as Clínicas da Família do Jardim Glória e do 24 de Dezembro, além do Hospital Pronto Socorro Municipal, sendo este último e as duas UPAs, unidades que funcionam 24 horas por dia.

“Foram 14 dias neste fim de ano, com atendimentos acima da capacidade das unidades de saúde de Várzea Grande, mas, ninguém saiu sem atendimento, sem exames e sem ser medicado, pois essa tem sido a rotina das unidades de saúde da segunda maior cidade de Mato Grosso”, disse o secretário de Saúde, Gonçalo Barros.

Ele frisou ainda que o aumento nos casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave – SRAG, fez com que a área de Saúde Pública de Várzea Grande redobrasse a atenção e o controle para a COVID 19 que também é uma síndrome respiratória e ceifou muitas vidas, e apesar de estar sob controle no Brasil, tem feito mais de 1,5 milhão de casos novos por dia em todo o Mundo.

“Não temos descuidado em nenhum momento desta pandemia, pois não é aceitável que vidas sejam ceifadas ou tratadas como instrumento político”, alertou o secretário Gonçalo Barros, frisando que o prefeito Kalil Baracat tem acompanhado pessoalmente os atendimentos realizados e tem redobrado as atenções, recursos e principalmente apoio para a área de Saúde Pública que pela legislação deveria receber 15% das receitas correntes enquanto em Várzea Grande este percentual supera os 25%, ou seja, 10% além do obrigatório em lei.

“Eu pessoalmente estive em todas as unidades de Saúde Pública que foram destinadas ao atendimento dos casos de Síndrome Gripal, inclusive no dia 27 passado quando atingimos mais de 10% de atendimentos apenas neste dia que foi de 2.698 atendimentos nesta data”, disse o Gonçalo Barros frisando que estes números são da Rede Secundária de Saúde, ou seja, das UPAs IPASE e Cristo Rei.

O titular da Saúde de Várzea Grande reforçou a necessidade das pessoas manterem os meios de biossegurança, como uso de máscara, álcool em gel, distanciamento social e principalmente evitar aglomeração, pois tanto a Síndrome Gripal como o Ômicron, que é a nova cepa da COVID demonstram rápida propagação em que pese menor letalidade, mas com a propensão de haver piora de quadro de saúde se o paciente tiver outras comorbidades como pressão alta, insuficiência respiratória ou cardíaca, diabetes entre outras enfermidades.

VACINAÇÃO

Gonçalo Barros aproveitou para anunciar a retomada da vacinação contra a COVID 19, quanto a primeira, segunda ou dose de reforço e que já formalizou pedido para reforço na vacinação contra a Gripe Influenza e frisou que além das medidas de biossegurança a vacinação tem se demonstrado eficiente e principalmente resolutiva quanto a preservação da vida das pessoas indistintamente.

“Procurem se vacinar, estar imunes e principalmente ajudar aos demais, ou seja, quem se vacina, preserva sua vida, bem como, preserva a vida dos demais, sejam familiares, sejam amigos, pois está comprovada a eficiência das vacinas e que o caminho para a imunização está na medicina, na ciência”, disse Gonçalo Barros.

Várzea Grande está reabrindo o Ginásio Poliesportivo Júlio Domingos de Campos, o Fiotão, e também aplica doses em 16 Unidades de Saúde e realizará eventos extemporâneos no Parque Berneck e se necessário no Centro Universitário do UNIVAG.

 




Notícias Relacionadas





Entrar na Rede SBC Brasil