Portal fundado em 01 de fevereiro de 2014; Pelo jornalista Roberto Marques

Cidadão Repórter

65992519733
Várzea Grande(MT), Sexta-Feira, 01 de Julho de 2022 - 16:58
26/05/2022 as 10:29 | Por Assessoria |
Prefeitura cria escolinha de futebol para crianças carentes, no bairro São Matheus
Os alunos matriculados no projeto devem comprovar boas notas e disciplina no colégio
Fotografo: Divulgação
Publicação

 

 

A gestão Kalil Baracat tem avançado no fortalecimento da relação entre ‘esporte e cidadania’ como filosofia de trabalho, para a construção de um futuro melhor para Várzea Grande. Foi assim que o bairro São Mateus se tornou palco, na noite desta terça-feira (24), do pontapé inicial das aulas de futebol para crianças do projeto ‘Talentos do Esporte’. Com mais de 200 crianças de 6 à 11 anos matriculadas na Rede de Ensino, o projeto visa a iniciação desportiva com um atendimento que vai além do campo.

Talentos do Esporte é realizado pela prefeitura de Várzea Grande, por meio da Secretaria Municipal de Educação, Cultura, Esporte e Lazer desde 2019. O projeto oferta atividades de Karatê, Jiu Jitsu, Judô, Muay Thai e Boxe, voltadas para crianças carentes na busca do fortalecimento da relação escola e família. Este, no entanto, é o primeiro polo de futebol do projeto.  

As primeiras aulas começam já nesta quinta-feira (26). Serão seis turmas no total, três de manhã e três no período da tarde, divididas por faixas etárias. Em breve serão iniciadas as turmas do futebol feminino, que já conta com 30 meninas matriculadas, entre elas Giovana da Silva Rodrigues, de 11 anos.

"Eu sempre gostei muito de jogar bola. Desde muito pequena o meu sonho é praticar em uma escolinha. Acho bom que eles confiram as nossas notas e o comportamento, porque mostra que eles se preocupam com a gente. E para as outras meninas eu digo, é muito importante vocês participarem, isso pode ajudar no futuro e a gente nunca pode deixar de sonhar", disse.

‘Sonho’ foi a palavra-chave da noite. Pais e mães expressaram o sonho gerado com a oportunidade de ver suas crianças em uma atividade física motivante, ao passo que as crianças sonhavam com a possibilidade de treinar e se destacar como jogadores de alto nível.

Esse é o caso de Sandra Regina Soares e seu filho, Rhyan Pedro Soares, que foram até o estádio Nery Leite de Campos com os documentos em mãos nesta terça para garantir a vaga no projeto. "Eu nunca tive condições de colocar ele numa escolinha, mas Deus abençoou e agora temos essa possibilidade aqui no bairro, que nos deixa muito felizes, porque era o sonho dele", disse.

Sandra também vê no projeto a possibilidade de bem-estar e segurança para Rhyan. "Esporte é saúde, então é bom que ele vá praticar uma atividade depois da aula, sem contar que tira eles da rua, evita que eles aprendam o que não devem", completou.

Pensado para estimular também o desenvolvimento social dos atletas, o projeto tem como aliados as Escolas Municipais de Educação Básica (EMEBs) Abdala José de Almeida e Júlio Corrêa, que devem monitorar o desempenho escolar das crianças para garantir que a educação de todos estejam em dia, e a própria família, que pode fazer apontamentos sobre a disciplina e o respeito dentro de casa.

Essa é uma das vantagens que João Carlos de Campos, pai do Bernardo Assunção Campos, destaca. "Essas atividades são muito importantes para a criança e para a comunidade, porque o objetivo deles é contribuir para a educação que a gente dá em casa. Além disso, as crianças aprendem desde cedo os benefícios da atividade física na saúde e no desenvolvimento delas", afirmou.

De acordo com o Secretário da Smecel, Silvio Fidelis, o projeto reforça o compromisso da gestão em levar oportunidades de esporte e lazer para todas as comunidades várzea-grandenses. "Com projetos como esse, queremos envolver as crianças e os pais de forma positiva, ocupando os espaços públicos e oferecendo aquilo que a população precisa", afirmou.

Jadir Pereira, Superintendente de Esporte e Lazer da Smecel, explicou ainda que o bairro São Mateus foi escolhido pois foi detectada uma carência de oportunidades relacionadas ao esporte para as crianças dali. "Nossa ideia é atender mais de 500 crianças até o final do ano neste polo e, em breve, começar um novo da modalidade futebol no bairro Cidade de Deus", anunciou.




Notícias Relacionadas





Entrar na Rede SBC Brasil